Compre Garrafa Cascade e Ganhe Ecobag Especial
Mês de Lançamento: Compre Jaqueta e Ganhe Gorro
Frete Grátis nas compras acima de R$299
Copos Térmicos com 25%OFF. Aproveite
Pague com PIX e ganhe 5% OFF
Pagamento em até 10x sem juros

Acreditamos e vivemos um caminho conectado com tudo que
há lá fora. Para nós, é preciso (re)ssignificar nossa relação com a
natureza, por meio de produtos e de um estilo de vida ao ar livre,
que transforma e regenera. 

Nessa caminhada, nos unimos a marcas que vivem o mesmo propósito, como a Linus!

Só é possível viver bem
quando o planeta está bem.

Sustentável e muito versátil, a Sandália Linus + Galapagos é ideal
para quem quer colocar o pé no mundo e viver muitas aventuras
com conforto, estilo e sustentabilidade. 

Desenvolvida com menos impactos e mais qualidade, essa
parceria foi feita para te acompanhar por muitos anos. 

Sandália Linus + Galapagos

Feita de fibras recicladas com PVC ecológico expandido

100% reciclável

Vegano

Livre de metais pesados

Livre de metais pesados

70% de fontes renováveis na sua composição

Calçado leve e confortável

A primeira sandália de
plástico vegana nacional

A Linus acredita que bem-estar e sustentabilidade são
interdependentes. Seu propósito é ser um calçado super
confortável, que possa ser usado a qualquer momento e com a
menor pegada ambiental possível. Incrível, né? Ela também é a
primeira sandália de plástico vegana nacional, incorporando assim
momentos de bem-estar na sua vida e no planeta!

Pra qualquer estação

Feita pra te acompanhar em todas as suas aventuras! Praia, camping, viagens e até naqueles dias de correria, é só combinar com meias no inverno ou sem no verão. Tão autêntica como você, estilo é pra quem tem! 

Pra colocar o pé no mundo

A sandália eco para as suas aventuras pelo mundo! Com estampa
única perfeita para acompanhar os seus passos por aí, seja ao
descobrir novos destinos ou revistar horizontes. É só calçar e
carregar consigo a certeza de que o mundo inteiro é o seu lar!

  • Mais bem estar

  • + eco - ego

  • (Re)conexões verdadeiras